ESTUDANTE DE ODONTO É UM ‘FALSO DENTISTA’? — QUAL É A SUA OPINIÃO? — ENTENDA O CASO

‘Falso dentista’ é preso quando atendia pacientes em Rio Branco
Vigilância Sanitária fez o flagrante após receber várias denúncias. Jovem é peruano e disse à polícia que estagiava na clínica do pai.

img-20160212-wa0018_xHpodZB

Vistoria da Vigilância Sanitária flagrou rapaz atendendo em clínica (Foto: Divulgação Vigilância Sanitária)

Um jovem peruano, de 21 anos, foi preso nesta sexta-feira (12) suspeito de exercer ilegalmente a profissão de dentista. O jovem atendia pacientes no consultório do pai, localizado no Bairro Bosque, em Rio Branco, segundo a Vigilância Sanitária. O pai do jovem não estava no local no momento da ação. Segundo a polícia, o rapaz está no oitavo período de odontologia de uma faculdade particular de Rio Branco. O flagra foi possível após o conselho receber várias denúncias sobre a conduta do acadêmico.

“Passamos em frente do suposto consultório e vimos que tinham vária pessoas esperando para serem atendidas e como já existia a denúncia, solicitamos a presença da PM. A princípio ele negou que seria acadêmico, disse que estava no lugar do pai, que têm problemas de visão, e foi feita a prisão em flagrante. Inclusive, ele estava com um paciente na cadeira dele que tinha acabado de extrair um dente”, conta Luiz Carlos, auditor fiscal da Vigilância Sanitária e membro do Conselho Regional de Odontologia do Acre,

Ainda de acordo com Carlos, o jovem disse também que estagiava na clínica do pai. O auditor destacou que o pai do suspeito é dentista legalizado e credenciado, mas que será punido eticamente pelo conselho.
“Ele não podia estar exercendo a profissão, não tem competência legal e nem profissional. Só poderia atuar se estivesse em um estágio oficializado, credenciado e acompanhado por um profissional que tivesse vínculo com a instituição em que estuda. O pai dele não tem autorização para dar estágio”, diz.

O delegado da Depca, Valdinei Soares, confirmou que jovem é acadêmico do 8º período do curso de odontologia. Ainda segundo Soares, o jovem seria peruano, mas naturalizado brasileiro.

“Ele vai responder pelo exercício ilegal da profissão e disse que só se manifestaria em juízo. Já foi marcada uma audição e ele será ouvido”, afirma.

FONTE:
G1

Compartilhe no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*